• Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon

© 2018 www.roviscopais.pt created by

CONSULTA EXTERNA

CONSULTA DE MFR GERAL

Na consulta de MFR Geral são observadas patologias das mais diversas etiologias que necessitam de avaliação especializada por médico fisiatra. As patologias mais frequentemente observadas são do foro musculo-esquelético, de natureza traumática, degenerativa ou pós cirúrgica. Após avaliação clínica e funcional, o médico fisiatra propõe um plano terapêutico que pode incluir medicação, educação ao doente e familiares, técnicas minimamente invasivas (como infiltrações intra-articulares, viscosuplementação ou outras), fisioterapia, ou outras modalidades terapêuticas; caso considere necessário, poderá encaminhar para consultas mais específicas.

CONSULTA DE MEMBRO INFERIOR

Coordenador: Dr. João Paulo Branco Assistente hospitalar de MFR Pós graduação em Medicina do Desporto pela Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra

Esta consulta tem como foco a patologia de todo o membro inferior, sobretudo relacionada com alterações das diversas articulações de carga – anca, joelho e tornozelo. A integridade e coordenação do membro inferior são determinantes para a realização da marcha, essencial à funcionalidade e integração sociocultural do indivíduo. Sabendo que a grande maioria das situações tem indicação para uma abordagem conservadora, a avaliação e orientação fisiátricas devem ser parte constituinte da maioria das situações neste âmbito.

Associado a abordagens e tratamentos mais clássicos, como a terapêutica farmacológica e fisioterapia, a Medicina Física e de Reabilitação apresenta atualmente importantes avanços na terapêutica temporária ou permanente da patologia articular e/ou ligamentar; são exemplo destas novas abordagens terapêuticas a avaliação ecográfica em contexto de consulta, o recurso crescente a técnicas infiltrativas ecoguiadas (como é o exemplo a viscosuplementação das várias articulações), PRP (Plasma Rico em Plaquetas) e as ondas de choque.

 A melhor orientação e prescrição de produtos de apoio, como são exemplo as múltiplas ortóteses, auxiliares de marcha e outros elementos promotores de funcionalidade, devem ser orientadas por um médico com experiência e formações específicas. O ensino de exercícios domiciliários, bem como a promoção da prática de exercício físico mais adequada a cada patologia, são outro pilar importante desta consulta.

 

Médicos especialistas afectos à consulta: Dr. João Paulo Branco

Periodicidade de consulta: 1 período semanal

CONSULTA DE AMPUTADOS

Coordenadora: Dra Inês Campos Assistente hospitalar de MFR Formação em reabilitação de amputados no CHUC e no Instituto MossRehab em Filadélfia (EUA)

Na Consulta de Amputados é efectuada uma avaliação clínica do doente amputado, com enfoque primordial na atividade e participação. É colhida a história clínica e efectuado um exame objectivo dirigido à patologia em causa, tendo a CIF (Classificação Internacional da Funcionalidade) como modelo. Quando se justifica é prescrita prótese ou ortoprótese em conformidade e se necessário é discutido o caso clínico com ortoprotésico.

A consulta dá resposta sobretudo aos doentes amputados da sua área de influência, mas recebe pedidos de consulta de todo o país.

 

Médicos especialistas afectos à consulta: Dra Inês Campos

 

Periodicidade de consulta: 1 período semanal

CONSULTA DE LESÕES MEDULARES

COORDENAÇÃO – PAULO MARGALHO

Sendo o CMRRC-Rovisco Pais o único  Centro de Reabilitação do país com uma enfermaria individualizada para a reabilitação de lesionados medulares, onde são tratados cerca de 120 doentes por ano, houve necessidade desde o início de criar uma consulta diferenciada de seguimento periódico destes doentes, sem colisão com o acompanhamento regular realizado pelos médicos fisiatras assistentes da área de residência.

É uma consulta em que são avaliados todos o doentes 3 meses após a sua alta de internamento, e posteriormente habitualmente de 6 em meses. Também a ela têm acesso os doentes referenciados pelos médicos assistentes quando necessitam de colaboração no seguimento destes doentes.

 

Está vocacionada para a avaliação holística do lesionado medular, com particular incidência na área músculo-esquelética, pele e tegumentos e sistema excretor (vesical e intestinal), mas em que todas as outras áreas têm relevância.

 

É durante esta consulta que são programados exames e técnicas de tratamento específico da lesão medular, como a ecografia renovesical, o estudo urodinâmico ou necessidade de toxina botulinica ou baclofeno intratecal para controle de espasticidade.

 

Também em consulta é avaliada a adequação dos produtos de apoio prescritos, e ponderada a prescrição de novos se necessário.

 

Fazendo também parte integrante, quando solicitado, poderá haver uma reavaliação da área de enfermagem, social ou psicológica pelos profissionais afectos ao Serviço de Lesões Medulares.

Médicos especialistas afectos à consulta:

- Paulo Margalho – assistente graduado sénior de MFR, com pós graduação em Medicina do Desporto, trabalhando no Serviço de Lesões Medulares desde 2009

- Susana Santos – assistente de MFR, com pós graduação em Medicina do Desporto, trabalhando no Serviço de Lesões Medulares desde 2012

- Inês Campos – assistente de MFR, trabalhando no Serviço de Lesões Medulares desde 2015

Periodicidade de consulta: 2 períodos de 3 horas, 1 período de 2 horas, 1 período de 1 hora

CONSULTA DE LESÕES ENCEFÁLICAS

Coordenadora: Dra Inês Lucas Assistente hospitalar de MFR Formação em Reabilitação Cognitiva no National Rehabilitation Hospital em Dublin Pós graduação em Avaliação do Dano Corporal e Pós-traumático

Consulta diferenciada, destinada ao acompanhamento dos utentes com lesão cerebral, nomeadamente Acidente Vascular Cerebral, Traumatismo Crânio-encefálico e Esclerose Múltipla.

Centrada na abordagem holística destes utentes, tem como principais objectivos:

  • Prevenção secundária, insistindo no controlo dos factores de risco cardiovascular

  • Controlo da dor, nomeadamente em caso de ombro doloroso

  • Tratamento da espasticidade, incluindo eventual orientação para Consulta de Distúrbios do Tónus

  • Avaliação da necessidade de prescrição de produtos de apoio e da sua adequação;

  • Orientação da reintegração sócio profissional

 

Para o efeito salienta-se a multidisciplinaridade da consulta, que conta com a colaboração de um especialista de Medicina Interna.

 

Têm acesso os utentes provenientes do internamento do Serviço de Reabilitação Geral de Adultos, que habitualmente são avaliados 3 meses após alta do internamento, e posteriormente de 6/6 meses ou anualmente consoante a situação clínica em causa e os utentes referenciados pelos médicos assistentes quando existe necessidade de colaboração no seu seguimento.

 

 

Médicos especialistas afectos à consulta: MFR – Dra. Inês Lucas, Dr. João Constantino, Dr. João Paulo Branco, Drª Sandra Oliveira. Medicina Interna – Dr. João Ricardo Pereira

 

Periodicidade de consulta: 4 períodos semanais

CONSULTA DE DOENÇAS NEUROMUSCULARES

FALTA INFORMAÇÃO

FALTA CONTEUDO

CONSULTA DE DISTÚRBIOS DO TÓNUS E MOVIMENTO

Coordenadora: Dra Anabela Pereira Assistente hospitalar graduada de MFR Diretora de Serviço de Reabilitação Geral de Adultos do CMRRC-RP Formação certificada nacional e internacional em aplicação de Toxina Botulínica

Esta consulta tem uma metodologia própria de avaliação, nomeadamente na avaliação da espasticidade e sua repercussão funcional. São aplicadas as escalas de avaliação específicas, avaliado o padrão e velocidade de marcha (teste dos 10 metros) e filmados os doentes em todas as consultas.

 

A aplicação da toxina botulínica obedece a critérios específicos, nomeadamente com o objetivo de melhorar a função, reduzir/eliminar a dor ou facilitar a higiene e os cuidados. São negociados com o doente, e/ou cuidador, os objetivos específicos que se pretendem atingir com cada aplicação de toxina botulínica. Cerca de um mês após cada aplicação os doentes são novamente observados em consulta para avaliação dos resultados e planeamento de futura aplicação.

 

Tem desenvolvido a aplicação de toxina botulínica, com recurso a de EMG e por deteção dos pontos motores, e ainda com controlo ecográfico.

 

É também realizada a monotorização e preenchimento de bombas de baclofeno.

Os doentes são exterior, outras consultas externas do CMRRC-RP, consultas de seguimento após alta do internamento CMRRC-RP.

 

 

Médicos especialistas afectos à consulta: Dr.ª Anabela Pereira, Dr.ª Inês Lucas, Dr. João Constantino, Dr. Paulo Margalho

 

Periodicidade de consulta: 4 períodos semanais

CONSULTAS DE DOR NÃO ONCOLÓGICA

ACUNPUNTURA :: MESOTERAPIA

A acupunctura é uma técnica terapêutica, reconhecida pela Ordem dos Médicos, onde agulhas muito finas são inseridas em pontos específicos do corpo, com o objetivo de modular o sistema nervoso central e periférico.

O gabinete médico está equipado com o material necessário, nomeadamente uma marquesa, compressas, algodão, álcool, agulhas (esterilizadas e descartáveis), estimulador elétrico e recipiente para lixo biológico.

Os doentes são avaliados numa primeira consulta, onde é colhida a história clínica e feito o exame objetivo e diagnóstico. Se o doente tiver indicação, decide-se o plano de tratamento (número de sessões e os pontos de punctura).

 

Antes de proceder ao tratamento, o doente deve assinar obrigatoriamente o consentimento informado, após ter sido informado acerca das vantagens deste método terapêutico, dos seus efeitos e possíveis efeitos colaterais/complicações que possam surgir.

 

Cada tratamento tem uma duração de 20-30 minutos, com observação constante, após os quais são retiradas as agulhas. As sessões são semanais com uma duração variável, consoante o diagnóstico e a evolução clínica. Por norma, um limite de 6 a 8 sessões constitui um valor consensual para definir a resposta ao tratamento.

 

As principais indicações são doentes com dor musculosquelética, rinite alérgica, depressão, fibromialgia, cefaleias e dor neuropática.

Médicos especialistas afectos à consulta: Dra Sandra Oliveira

Periodicidade de consulta: 1 período semanal

A mesoterapia é uma técnica médica que é usada no tratamento da dor aguda ou crónica, com origem no aparelho musculoesquelético. Teve o seu início em França em 1952 e consiste na introdução de medicamentos, por via intradérmica ou subcutânea, na projeção perpendicular à lesão ou dor, utilizando uma agulha de pequeno calibre. A aplicação é feita com agulhas muito finas e apenas a uma profundidade de alguns milímetros. São realizadas várias injeções, na zona onde existe a lesão, com o objetivo de obter uma ação local.

A mesoterapia representa uma nova via de administração de fármacos no organismo em pequenas quantidades e em concentrações elevadas, no local exato onde a ação terapêutica é desejável. Ou seja, aproxima a ação terapêutica dos medicamentos ao local da patologia.

 

No CMRRC - Rovisco Pais o ato terapêutico é realizado após consulta e exame médico, de forma a que exista um diagnóstico preciso. Deste modo, são empregues os fármacos adequados, no local indicado. 

 

Os objetivos desta técnica são a redução de quadros álgicos em múltiplas patologias agudas ou crónicas, com consequente melhoria da funcionalidade e qualidade de vida. Assim, a mesoterapia representa um complemento ou até uma alternativa a outros métodos antiálgicos.

 

Médicos especialistas afectos à consulta: Dr Filipe Morais

 

Periodicidade de consulta: 2 períodos semanais

CONSULTA DE REABILITAÇÃO DE TRAUMATOLOGIA DO DESPORTO

Coordenadora: Dra Susana Santos Assistente hospitalar de MFR Pós-graduação de Medicina Desportiva

Apesar da prática de uma actividade desportiva ter reconhecidos benefícios na saúde, ela apresenta aquilo que pode ser considerado um significativo efeito secundário: as lesões desportivas agudas ou de sobrecarga. Nesse sentido, a nossa consulta tem por objectivo o apoio ao utente que pratica uma actividade desportiva, através do diagnóstico, tratamento e prevenção de lesões desportivas, complementado, quando necessário, por avaliação ecográfica.

A identificação destes factores pré-época e a elaboração de um programa multi-intervencional de prevenção de lesões, será uma maisvalia para redução da incidência das mesmas.

Sabendo da vasta evidência disponível que mostra que a prática regular de actividade física beneficia física, social e mentalmente, toda a população qualquer que seja a idade, incapacidade ou doença, nesta consulta é também efectuada a orientação e prescrição de exercício físico e a adaptação para promoção da saúde e/ou tratamento de doenças crónicas, como por exemplo Hipertensão Arterial e Diabetes Mellitus.

 

 

Médicos especialistas afectos à consulta:

Drª Susana Santos, Dr. João Pereira, Dr. Filipe Morais e Dr. João Constantino

 

Periodicidade de consulta: 1 período semanal ( a alargar)

Please reload